quarta-feira, outubro 25, 2006

A volta dos velhos duelos


Sei que ainda é cedo, mas a quantos anos não tínhamos o gostinho de ver um piloto de F-1 brasileiro ganhar um GP no autódromo de interlagos? Alguém se arrisca sem pesquisar no Google? Exatos 13 anos com o imortal Ayrton Senna. Ando um pouco eufórico com a brilhante vitória de Felipe Massa devido a grande personalidade do rapaz. É isso que está me impressionando. Ele vem demostrando habilidade, destreza e, acima de tudo, garra.

Tudo isso faltou a Rubens Barrichello. Mercenário, incompetente e frouxo. Arghhhhhh que nojo. Depois daquela cena em que ele praticamente parou o carro para o Schumacher ultrapasá-lo fiquei com nojo. Teve tudo nas mão e não aproveitou. Mas a minha euforia vem do fato de que, na próxima temporada o alemão não estará correndo. Isso significa que não haverá piloto número um na Ferrari. Haikonen será o companheiro de Massa e, talvez, poderemos assitir e relembrar os velhos duelos entre Alain Prost e Senna nos domingos. Que maravilha!

Se for asim, voltarei a assistir as corridas, pois depois que perdemos a grande figura de um ídolo, competidor e, acima de tudo, alguém que nos motivasse a torcer, abandonei esse esporte. Não sei se alguém irá concordar comigo, mas estou comçando a gostar novamente deste esporte.

3 comentários:

Anônimo disse...

Well done!
[url=http://grlwbmvb.com/xgvz/kidl.html]My homepage[/url] | [url=http://gopfcrdm.com/gqby/zdlt.html]Cool site[/url]

Anônimo disse...

Nice site!
My homepage | Please visit

Anônimo disse...

Thank you!
http://grlwbmvb.com/xgvz/kidl.html | http://hdqheyvi.com/pcbc/drim.html